Notícias

A segurança e o bem-estar dos funcionários estão a mudar nos especialistas em transporte refrigerado franceses


Mover caixas pesadas carregadas de alimentos congelados, entregar os produtos a tempo aos clientes e negociar em áreas congestionadas de pedestres pode colocar a equipe sob pressão e em risco de lesões.

A NJS Faramia, um dos maiores especialistas em transporte refrigerado de França, quis melhorar a segurança dos funcionários envolvidos na movimentação de produtos congelados. A empresa, com sede em Vitrolles, no sul do país, trabalha com vários clientes de prestígio, incluindo a Carsat Sud-Est, um prestador de serviços para o governo que é responsável pela gestão da Previdência Social.

Anteriormente, os contentores rolantes eram empurrados, puxados e direcionadas à mão - geralmente em superfícies difíceis e irregulares.

A Faramia, juntamente com a Carsat Sud-Est, decidiu ocupar-se da segurança e o bem-estar dos funcionários.

Agora, quatro SmartMovers estão fazendo toda a diferença para os motoristas de entrega, com uma redução na fadiga, distúrbios osteomusculares e tensões.

Victor Faramia, CEO da empresa, disse: "Decidimos testar o SmartMover com os motoristas de caminhões e a eficiência da solução era exatamente o que precisávamos".

O nosso SmartMover SM100+ tem a capacidade de mover 1.200 kg e inclui um ponto de acoplamento hidráulico para uma conexão segura e inquebrável, mesmo em terrenos irregulares e em ambientes movimentados.

Michel Pagot, responsável pela segurança e saúde no trabalho, prosseguiu: “Com o SmartMover, não é necessário nenhum esforço físico para empurrar e puxar.

“Todo o manuseamento é feito graças à máquina, para que haja menos problemas lombares e outras dores. Existem alguns lugares onde entregamos nossos produtos que exigem muito esforço e agora, no final do dia, podemos realmente ver a diferença.

“Estamos menos cansados e mais relaxados. Nos sentimos melhor quando sabemos que não teremos dificuldades no trabalho no dia seguinte. "

Informe-se agora

« Volte à secção de imprensa

Publicado : 17/12/2019

Veja setores relacionados
Cookies help us deliver our services. By using our services, you agree to our use of cookies.